segunda-feira, 18 de abril de 2016

Como "Reduzir" as Lembranças que Corroem a Nossa Mente.

Minha vibe agora é ganhar dinheiro e ficar de boa.

Sim, eu já fui uma vítima da Matrix assim como muitos de vocês.
O problema é que de umas 5 semanas para cá, algumas lembranças vem perturbando a minha saúde mental e por consequência o resto da minha vida.
Meu caso com a Matrix foi bem complicado, acho que terei que escrever um post só sobre isso, só posso adiantar que eu fui um panaca como a maioria dos homens é antes de conhecer a Real.
Diferente de muitos, não são as lembranças ruins que me corroem a alma, mas sim as lembranças ótimas que tive ao lado de uma pessoa, amigos não sei se é saudade, mas estava revivendo momentos de 5 anos atrás e comecei a ficar preocupado com isso.


Não quero aqui propagar nenhuma crença religiosa, e nem estou dizendo que este método é a "cura" de nada, é só uma das inúmeras alternativas que estou usando para melhorar minha mente eliminando pensamentos matrixianos e depressivos. Até agora ele vem funcionando muito bem.

Na segunda-feira passada quase tive uma crise de ansiedade devido a quantidade de pensamentos perturbadores, me tranquei no meu quarto, fiquei de joelhos e pedi por socorro para D-us, pois não sabia mais o que fazer. Pedi para Ele me indicar em qual direção eu deveria seguir a minha vida. Nesta mesma noite ainda "surtado" comecei a procurar na internet por recursos para esquecer o passado.


Vi alguns vídeos sobre o assunto, muitos davam dicas de apagar facebook, apagar fotos, telefone e qualquer contato com a pessoa que se quer esquecer, mas isso tudo eu já fiz a anos atrás e não adiantou nada. 
Até que me deparei com um lance com o nome muito estranho: Ho’oponopono.
Essa palavra em idioma havaiano quer dizer "corrigir um erro, ou tornar algo certo".

Enfim:

Gostei porque o método é muito fácil, cada vez que um pensamento perturbador você deve dizer mentalmente ou verbalmente as seguintes frases, ou todas elas:

-Sinto Muito
-Me perdoe
-Te amo
-Sou Grato

Comecei a fazer o teste, cada vez que a Matrix vinha eu jogava essas frases nela, e por incrível que pareça vem funcionado muito bem. 
Depois achei uma oração deles no youtube bem interessante, dormi ouvindo ela diversas vezes, em resumo, já estou bem calmo e "sadio".

O melhor de tudo é que isso não é uma seita, não tem regras e respeita as outras religiões, é só um método para ajudar as pessoas com distúrbios mentais como o meu.

Se tiverem interesse em conhecer segue o link: 

Lá nesse site tem uma aba dizendo "pedidos de limpeza", se puderem deem uma olhada lá, eu fiz exatamente o que eles indicam, escrevi toda minha história e realmente, depois que você escreve o seu problema e lê ele algumas vezes já começa a se dar conta de algumas coisas. Tem um lance que eles pedem para escrever também sobre tudo aquilo que você agradece a D-us por ter, essa parte ajuda bastante, pois vemos como temos coisas boas em nossas vidas e deixamos de lado ou não conseguimos enxergar com clareza.


Mas o melhor de tudo é que o cara não gasta um centavo com material, tem tudo na internet, já sabem que se eu tivesse que fazer uma "colaboração espontânea", eu já estaria fora do lance.

Eu não vou explicar tudo desse lance porque eu não ganho nada com isso, só quero ajudar você a se livrar da Matrix mental, procurem no youtube e nos sites sobre a história desse método, o sentido das frases e outras aplicações.

Abaixo a oração, é bem bonita.


Abraço!

Obrigado!

$$$


13 comentários:

  1. Bom post, todos temos fantasmas na vida que nos perturbam por vergonha ou saudade. Tenho vergonha de muita coisa que fiz principalmente envolvendo ex namorada, mas vida que segue e foco em aportar, tem que manter a cabeça focada sempre senão é igual o ditado, vira oficina do diabo.

    Anonimo pobre com passado ridículo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é só vc quem tem um passado ridículo, acredito que a maioria dos homens, antes de conhecer a real tiveram experiências terríveis.

      Abraço!

      Excluir
  2. Muito boa essa oração.

    Criei meu blog nessa intenção também, mas voltado mais para o desabafo. Tenho pensamentos e comportamentos que só posso falar no blog, pois em sociedade mesmo usando de ironia sou chamado de maluco, bandido, assassino e etc. Sou chamado de drogado mesmo nunca ter colocado nenhum composto químico ilegal no corpo, sendo que a pessoa que me chama é completamente perturbada das ideias. Sou chamado de esquerdista pelos conservadores e sou chamado de ditador entre os esquerdistas, só de conversar sobre a importância do indivíduo e libertarianismo.

    Vivemos em uma sociedade podre que para ter uma mente sadia, ou temos que ser muito burros para não entender nada e viver feliz ou ignorar tudo.


    Abraços!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O problema é que não nos encaixamos em nenhum rótulo social, por isso acabamos sofrendo.

      Tem que ser forte para manter a mente sadia em meio a toda essa loucura!

      Apraço PS!

      Excluir
  3. Interessante, nunca tinha ouvido falar. Acho que não conseguiria fazer porque sou bem cético em alguns aspectos e também vejo como bizarrice sei lá. Mas é uma alternativa. Boa sorte!

    ResponderExcluir
  4. Capitalista,
    gostei da ferramenta de limpeza mental!
    eu faço parecido.
    Recentemnte comecei a meditar para melhorar um pouco a saude mental.
    valeu por compartilhar..
    Bons ganhos e um grande abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá BI!

      Pois é, eu estou estudando muito essa questão mental, logo quero fazer algumas experiências.

      Abraço!

      Excluir
  5. Opa olha eu ai, eu cheguei recentemente nesse mundo sou bem jovem e entusiasmado, tou acompanhando vcs a um bom tempo e resolvi criar o meu tbm, não sei mexer em nada nessa bosta direito, mas criei um blog pra documentar tudo acho que vai ser legal. Assim que eu começar a entender isso aqui eu começo a adicionar geral e fazer essas coisas de blog... ta ai o link

    http://construindoimperio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. JI!

      Boa iniciativa!
      Vou add vc nos meus blogs indicados!

      Boa Sorte!


      Excluir
  6. CP,

    Caí neste post por acidente, e acabei gostando muito deste método. Deixo aqui o meu obrigado, por compartilhá-lo conosco.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Fala Capitalista,
    Também passei por isso, parece que é um comportamento padrão de nós, homens.

    estava em um momento difícil, excesso de trabalho, vida corrida, problemas no relacionamento, juntou tudo isso e também surtei, fiz coisas das quais não me orgulho e também tive crises. Não virei a página 100% mas já estou bem melhor, na época voltei a rezar, também precisei me render e buscar um psicólogo(profissional que nunca imaginei que fosse precisar). O mais difícil pra mim foi lidar com a culpa e admitir que eu não era perfeito, que assim como todos, também era humano e que por isso erraria. Essa busca pela "perfeição" me ajudava muito na vida profissional, mas me prejudicava na vida afetiva, pois na medida que buscava perfeição em mim, projetava nela e exigia dela a mesma coisa. Era uma crença que funcionou durante 30 anos e que agora precisava ser quebrada, muito difícil.

    Vejo ao meu redor muitas pessoas simplesmente vivendo suas vidas medíocres, sem toda essa ação que é vendida como "vida ideal" bem longe da "felicidade, do quanto mais, melhor" que todos nós buscamos, e a conclusão que eu chego é que o simples resolve. Menos escolhas, menos dinheiro, mais equilíbrio.

    Hoje o pior já passou, consigo levar a vida mas ainda tenho pensamentos do passado que as vezes ainda me deixam pra baixo, vou praticar essa técnica.

    Por fim, acredito que todas essas experiências fazem parte do nosso aprendizado e nossa formação, do que queremos ser, o que queremos pro futuro, como você enxerga o mundo e como gostaria de ser lembrado. Percebe que hoje nosso julgamento sobre as coisas é muito mais turvo do que no passado? Quase nada é preto ou branco, tem vários outros tons de cinza, muitos "ses", "poréns. É interessante ver que questões como essa que hoje na casa dos 30 anos nos preocupam, nos nossos 20, 25 anos não nos tirariam o sono de uma noite se quer.

    grande abraço

    M

    ResponderExcluir
  8. M!

    Esse lance da busca da perfeição eu já passei, pra quem segue este caminho qualquer coisa que dê errado é uma catástrofe, não adianta, não somos e nunca seremos perfeitos, e quanto mais tentamos a perfeição mais infelizes ficamos.
    Equilíbrio é o principal, principalmente o mental.

    Abraço!

    ResponderExcluir